Você está em: / Página Inicial / Notícias /Gigaset anuncia fim da comercialização de telefonia IP

Gigaset anuncia fim da comercialização de telefonia IP

Segundo uma pesquisa de mercado da IT Data, atualmente, 54% das companhias brasileiras que aprovam a telefonia IP; 26% influenciam o processo; e 26% participam ativamente dos investimentos. Com relação às soluções em si, apenas 26% das empresas utilizam somente o VoIP, contra 37% que ainda não utilizam e 37% que já dispõem da tecnologia internamente, no entanto, mediante a convivência com a telefonia convencional.

Desta forma, como este mercado Brasil ainda está em fase de amadurecimento, a companhia Gigaset que, até então, trabalhava em portfólio baseado em telefonia convencional e IP, decidiu parar a comercialização dos produtos que realizam chamadas VoIP.

VoIP depende de Banda Larga qualificada e segundo o gerente de marketing da empresa, Denis Minchiotti, este mercado não está completamente maduro ou aquecido no Brasil. No entanto, quando houver o “boom” do VoIP, a Gigaset voltará ao mercado.

A companhia vem acompanhando o mercado de voz sobre IP desde 2008, com presença efetiva no varejo. O executivo afirma que a comercialização do produto surtiu resultados positivos mundialmente falando, na introdução da tecnologia no mercado.

Minchiotti explica ainda que a telefonia IP, quando oferecida em comutado com as operadoras para os usuários finais, trazia bom resultado. No entanto, a companhia começou a observar, principalmente no Brasil e em países da Europa – Itália, França e mesmo a Alemanha, onde está a sede da Gigaset – que a participação no mercado tem reduzido com o passar do tempo.

“Vimos redução de mercado principalmente no varejo, na comercialização direta dos telefones IP. O Brasil, em si, também nunca foi um grande mercado para nós, pois não conseguimos fazer com que os usuários entendessem perfeitamente a tecnologia VoIP. Mesmo o público que respira tecnologia ainda tem receio de adentrar a este mundo”, explica Minchiotti.

Desde maio de 2009, a companhia comercializou 8 mil aparelhos IP e este número chegará a 10 mil em meados de março de 2011, quando a companhia fará sua última entrega do A580IP.

A partir de então, a companhia continuará operando em soluções residenciais e comerciais, mas com a telefonia convencional. “Continuaremos com o C285, os aparelhos hi-end, que possuem acabamento em metal e Bluetooth e todos do nosso portfólio atual”, ressalta o executivo. Para 2011, a Gigaset planeja dois lançamentos: o menor aparelho sem fio do mundo, para uso doméstico; e um telefone fixo com tela tátil e possibilidade de downloads de aplicativos, por ter estrutura Wi-Fi. Minchiotti não revelou mais detalhes sobre os novos produtos.

Questionado sobre uma possível volta da Gigaset ao mercado IP, Minchiotti afirma que esta não é uma parada definitiva de comercialização deste segmento na empresa. “Sabemos que a tecnologia VoIP vai evoluir. No entanto, se você perguntar a qualquer empresa quando será o grande momento, o ‘boom’, ninguém saberá te responder. Deixaremos, então, a tecnologia como em stand by. Assim que houver o sinal de que a voz sobre IP efetivamente está crescendo, voltaremos a investir sim no setor”, explica, afirmando que a companhia continua acompanhando os balanços deste segmento no Brasil e no mundo.

A decisão foi tomada após a visita do gerente mundial de marketing e produtos, Eric Schmidt, em uma reunião para a discussão sobre o portfólio para o Brasil em 2011 e 2012.

Mesmo com a parada na comercialização, Minchiotti afirma que a companhia manterá a assistência técnica do produto. “Os usuários não ficarão desamparados. Ainda ofertamos a garantia e continuamos com os nossos centros de reparação no país. Isto continuará assim, mesmo quando pararmos, de fato, a produção”, completa.

Gigaset x Siemens

Com parceria desde 1998, a Gigaset e a Siemens mantiveram o processo de transição da marca, cujo contrato previa que 80% desta seria da Gigaset e os 20% restantes, da Siemens.

Em 2008, a Siemens vendeu 80,2% da sua divisão de telefones para a Arques Industries. Até então, a junção da Siemens com a Gigaset era a líder de mercado, com registro de faturamento de €792 milhões em 2007.

Esta parceria continua somente até outubro de 2011 pois, segundo Minchiotti, a marca Gigaset quer entrar em maior evidência. “Os demais produtos comercializados com o logo Gigaset permanecerão sem alterações. Para a Siemens, não mudará em nada”, finaliza.

Fonte: www.ipnews.com.br 13/12/2010


Cortesia:

www.DirectCall.com.br
VoIP a partir do seu Telefone e Internet COMUM, com qualidade de telefonia fixa + Inf.
Número LOCAL ou NACIONAL (4000ip e 0800ip) em 20 países + Inf.
Redução de custos para CELULAR em 0800 + Inf.
 

« Voltar para a página inicial


Código do Cliente: 1172881
0800 724 0804
0800 724 0804
Eco friendly - Soluções DirectCall tornam opcional investimentos em adaptadores IP, banda larga, link e intranet com capacidade para voz